Dermatologia

Necessita de uma consulta ?

Dermatologia (ou Dermatovenereologia) é a especialidade que trata as afecções da pele, o maior órgão do corpo humano. Dentro da dermatologia, existe a dermatovenerologia, especialidade que tem importante atuação no contexto das infecções sexualmente transmissíveis.

Os médicos especialistas são designados dermatologistas. O dermatologista é a pessoa mais indicada para o aconselhar relativamente a problemas de pele, cabelo e unhas, inclusive aqueles que precisam de intervenção cirúrgica.

Dermatologia: principais patologias/doenças

As condições dermatológicas mais frequentes incluem:

Acne:

É uma doença de pele bastante frequente, que acomete a maior parte dos adolescentes, porém não se restringe a eles. As principais modificações que ocorrem na pele e nos cabelos estão relacionadas com a atividade hormonal que se inicia nessa fase.

Alopécia:

alopécia significa menos cabelo na cabeça. Deflúvio quer dizer mais queda de cabelo. Pode existir alopécia sem deflúvio e deflúvio sem alopecia. A Alopécia Areata é uma doença relativamente comum que provoca a queda de cabelo. A etiologia é desconhecida, no entanto tem alguns fatores implicados, como a genética e o sistema auto-imune. O cabelo começa a cair formando pequenas ou grandes áreas sem cabelo.

Dermatite ou Eczema de Contato:

é uma reação inflamatória na pele decorrente da exposição a um agente capaz de causar irritação ou alergia.  Existem dois tipos de dermatite de contato: a irritativa e a alérgica.

Hemangioma:

são formações tumorais benignas de capilares e vasos sanguíneos. Aparecem na pele como manchas ou tumorações avermelhadas e arroxeadas. No entanto, podem representar apenas alterações estéticas, mas casos desde o nascimento podem ser mais extensos  e levar a sangramentos, distúrbios da coagulação e compressão de órgãos vizinhos.

É extremamente rara a transformação de um hemangioma numa lesão maligna.

Cancro da Pele:

O cancro da pele é o tumor maligno mais frequente na população caucasiana. O cancro é provocado pelo crescimento anormal e descontrolado das células que compõem a pele. Estas células dispõem-se formando camadas e, de acordo com a camada afetada, assim se define os diferentes tipos de cancro. Os mais comuns são os carcinomas basocelulares e os espinocelulares.

Queratose Actínica:

É uma lesão vermelha e escamosa. Aparece com mais frequência no rosto, nas orelhas, nos lábios, no dorso das mãos, no antebraço, nos ombros, no colo, no couro cabeludo de pessoas calvas ou em outras áreas do corpo expostas ao sol. Inicialmente, as lesões são pequenas, e normalmente é mais fácil reconhecê-las pelo tato, onde conseguimos sentir a lesão escamativa. A presença de queratoses indica lesão solar, e a lesão pode evoluir para cancro da pele.

Urticária:

A urticária é uma extensa reação da pele, que pode ocorrer em adultos e crianças, sendo habitualmente desencadeada por infecções, medicamentos, alimentos, calor ou outros estímulos.

Tratam-se de lesões vermelhas e inchadas, como vergões, que aparecem na pele rapidamente e dão muita comichão. As lesões podem ser pequenas, isoladas ou juntar-se e formar grandes placas vermelhas, com desenhos e formas variadas. Pode aparecer em qualquer área do corpo. Normalmente as lesões mudam de lugar e algumas vão sumindo e outras aparecendo.

Verrugas:

são pequenas lesões na pele, geralmente inofensivas, causadas pelo vírus HPV, que podem surgir em qualquer parte do corpo, como no rosto, no pé, na virilha ou nas mãos, e a infeção ocorre nas camadas mais superficias da pele ou mucosas, ativando o crescimento anormal das células da epiderme.

Vitiligo:

é uma doença caraterizada pela perda da coloração da pele. As lesões formam-se devido à diminuição ou ausência de melanócitos (as células responsáveis pela formação da melanina, pigmento que dá cor à pele) nos locais afetados.

As causas da doença ainda não estão claramente estabelecidas, no entanto as alterações auto-imunes parecem estar associados ao vitiligo, além disso, alterações ou traumas emocionais podem estar entre os fatores que desencadeiam ou agravam a doença.

As condições venereológicas mais frequentes incluem:

Escabiose ou Sarna Vulgar:

É uma das parasitoses humanas mais frequentes, causada pelo ácaro Sarcoptes scabiei var. hominis , que parasita apenas o ser humano. No adulto pode aparece  através de contacto sexual. As queixas mais frequentes incluem: comichão (sobretudo à noite); pápulas e /ou nódulos persistentes e lesões de coceira em localizações caraterísticas.

Infeções Sexualmente Transmissíveis (IST):

são infeções que passam de umas pessoas para as outras durante as relações sexuais, normalmente  provocadas por bactérias, vírus e parasitas que estão no sangue, sémen e outros líquidos corporais ou à superfície, na pele e mucosas da zona genital.

CONSULTA DE DERMATOLOGIA

As doenças de pele atingem pessoas de todas as idades: crianças, adolescentes, adultos e idosos. Para esclarecer as dúvidas, agende a sua consulta de Dermatologia.

Centro Clínico São Cristóvão

Ligue 915 307 915, 214 944 231 ou 214 925 682.

Ou em alternativa, envie-nos um email  e nós contactamos.